Deixe ela ir

O telefone toca.
Era ele, só podia ser ele, quem mais poderia ser a essa hora?  Quem mais me ligaria de madrugada? Ninguém mais, a não ser ele.
Atendo o telefone ainda zonza de sono.
– Oi, Alex.
Ouço a respiração descompassada e com ritmo acelerado, sem dúvida novamente ele havia bebido, estava bêbado como nos últimos quatro meses.
– Ana, eu preciso… preciso… preciso… Eu preciso de você.
Mais uma vez… Mais uma vez a mesma história.
– Alex, você está bêbado… Onde está?
Demora alguns segundos até sua resposta.
– Estou em casa… Preciso de você.
Não, não… Dessa vez eu não irei ceder.
– Alex, por favor. Tome um banho bem frio, coma algo e vá dormir. Amanhã tanto você como eu trabalhamos.
Ele insiste.
– Ana, você pode dormir aqui. Como das outras vezes, lembra?
Ana… Ana… Ele já fez isso outras vezes.
– Alex, me ouça…
–  Sim… sim.. estou te ouvindo… – disse ele com aquele tom familiar de embriaguez.
– Sei que provavelmente não irá se lembrar disso quando acordar, mas são coisas que eu preciso falar… Por favor, não faça mais isso comigo, eu não posso suportar.
– O que eu estou fazendo Ana? Me diz que eu paro… mas vem… por favor – disse sem ritmo algum.
– Eu não posso mais. É sempre assim. Você só me procura quando precisa de alguém pra desabafar e estar com você quando precisa ou quando quer. Eu não quero e não preciso disso. Eu amo você, amo muito. Mas você só me trata bem, só me convida para sua casa, só me procura e diz que me ama quando está embriagado… Eu não aguento mais isso. Não posso estar com alguém que não sabe o que quer, ou melhor, que não sabe como me quer. Você fica comigo e com outras que eu sei, mas eu suporto essa situação por amor a você. Quando eu ligo pra você no meio do dia, você nem faz questão, só diz o mínimo e desliga o telefone. Demora para responder um simples sms de bom dia… Alex, eu preciso de mais, eu quero mais. Eu quero muito além disso… Eu quero mais. Eu quero mãos dadas, quero carinho, quero atenção, quero amor… Amor… Consegue entender isso? Consegue entender que eu preciso de mais… Você não sabe me amar quando está sóbrio. Eu queria que percebesse o quanto sou louca por você e tudo o que eu faria por você. Mas Alex… Você está completamente cego, infelizmente você só enxerga aquilo que quer ver. Você só enxerga o seu egocentrismo. Você só se enxerga…  Queria que enxergasse o que eu sinto por você. Queria que enxergasse que estou aqui, que sempre estive e que sou sua. Completamente sua. Mas Alex… Isso não vai acontecer, não vai… E eu preciso que isso acabe. Me deixe ir. Me deixe ser feliz.
– Ana, eu… eu… – diz ele repetidamente.
– Adeus, Alex. Não me procure mais –  as lágrimas em meu rosto caem e meu coração dói, como nunca havia doído antes – Me liberte, por favor.
–  Ana, eu… eu…
E desligo o telefone.

Alex, ao ouvir o barulho do fim da ligação, ainda perplexo com que Ana disse, desliga o telefone, se joga no sofá sem acreditar no que aconteceu. Ana tinha dado um basta. Ana cansou dele. Ana não o quer mais… Ela pediu para libertá-la.
Mas… Mas…
Eu a amo.
Cada palavra que ela disse doeu por ser a verdade. Eu a amo, mas não estou pronto para amá-la. Eu não posso amá-la, eu não sei amar… Mas será que fui tão egoísta ao ponto de não deixá-la me ensinar a amar?
Eu a machuquei. Eu a humilhei estando estando em bares e festas com pessoas vazias. Eu a deixei de lado. Eu não a enxerguei, como ela disse.
Eu agi como um bobo.
E agora eu a perdi… Perdi…
E o álcool faz efeito, levando Alex para um sono profundo, permitindo que este sonhe com Ana, já que agora ela só existirá em seus sonhos.

Você não sabe como me amar quando você está sóbrio
Quando a garrafa acaba, você me puxa pra perto
E você fica dizendo todas aquelas coisas que deveria dizer
Mas você não sabe como me amar quando você está sóbrio
Selena Gomez – Sober

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s