Life of the party

A vida é tão curta. Cheia de oportunidades que nós apenas jogamos fora porque outras pessoas dizem que não vale a pena. Gastamos nosso tempo lendo textos que nos dizem para viver, mas temos preguiça de olhar para o céu e apreciar quão belo ele é.

Não, não posso te prometer que essa estrada é linda e que em momento algum você cairá. Você vai cair, não há opção quanto a isso. Mas você pode decidir se levantar e seguir em frente ou permanecer onde você está e ver como as coisas ficarão.

Mas é claro que eu tenho medo. Todas as pessoas o tem. Temos medo de nos apaixonar e não sermos correspondidos, mas também temos medo de ser correspondidos. Temos medo de usar aquela roupa porque alguém pode dizer que ela não está boa, ou pior, não a usaremos porque a maior parte das pessoas estará diferente. Que tal ser diferente de uma vez?!

Ser a pessoa que dará vida ao mundo ao redor pode ser algo difícil, mas lhe garanto que é fantástico. Você não precisa ser o centro das atenções para isso e nem mesmo precisa chamar a atenção de toda a festa. Mas dançar como você gosta, rir de piadas bobas, sugerir ir para um lugar mais animado, pode fazer toda a diferença em uma noite, em um dia.

Ser a alma da festa, quer dizer deixar a sua própria alma comandar as coisas. Confiar na sua intuição e deixar que as coisas aconteçam. A vida não vem pronta e maravilhosa só para algumas pessoas, ela vem maravilhosa para todos, mas todos precisam trabalhar nela e com ela para que ela tenha aquela dose de felicidade.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s