Resenha: Into the Woods (2015)

E lá vamos nós para a primeira resenha cinematográfica do ano! 🙂

Nessa quinta-feira estreio nos cinemas de todo mundo o filme Into the Woods (ou Caminhos da Floresta, em Português) e no elenco temos ninguém mais ninguém menos do que  Anna KendrickEmily BluntJohnny Depp e a linda Meryl Streep. Para mais informações técnicas do filme, clique aqui

O filme se trata da junção de várias histórias de contos de fadas como Chapéuzinho Vermelho, Cinderela, João e o Pé de Feijão e Rapunzel. Nela o padeiro e sua mulher descobrem que não podem ter filhos por causa da maldição que a bruxa vizinha havia jogado em suas residências quando o pai do padeiro foi a sua horta roubar legumes para a sua mulher que estava grávida. Para convencer a bruxa a quebrar o feitiço, os dois precisariam de cinco itens que a Bruxa sozinha jamais poderia pegar. Assim, eles adentram a floresta ao mesmo tempo que os outros personagens tentam conquistar seus sonhos mais profundos. Não vou revelar detalhes da história porque esse não é o nosso objetivo, não é mesmo?!

Sobre as questões técnicas do filme, podemos dizer que são muito boas. Os figurinos são de acordo com cada história, o vestido da Cinderela por exemplo: não é nada parecido com o da animação da Disney, mas não deixa de ser absolutamente fantástico. Os efeitos visuais são basicamente os da Disney, é claro que nesse quesito existe uma evolução e uma melhora latente em comparação com filmes mais antigos, mas como a história não requer efeitos estilo Transformers, tudo saiu de forma incrível.

Mas o destaque maior do filme não é apenas isso. Esse filme é a prova de que a Disney não perdeu o jeito de fazer musicais, pelo contrario é a Disney mostrando ao mundo como se fazem musicais com contos de fada. As músicas e as performances dos atores são impecáveis, algumas músicas são engraçadíssimas e outras realmente nos dão vontade de chorar. Mas o mais importante é que todas elas nos dão vontade de voltar e assistir tudo de novo.

Enfim, se vale a pena?! Eu acho que vale muito seja para assistir sozinho, acompanhado ou com a família mesmo. É um filme que abrange todas as faixas etárias!  Apenas lembrando que ainda não tive a oportunidade de assistir a versão dublada desse filme (na verdade não sei se há a versão dublada dele) e que essa é a minha opinião sobre a versão legendada do mesmo. Em breve complementarei esse post dizendo o que achei da versão dublada.

Mas e vocês?! Já puderam assistir Into the Woods?! Se sim ou se não, compartilhe conosco nos comentários abaixo!

Anúncios

2 comentários sobre “Resenha: Into the Woods (2015)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s